Novas leituras

Estou lendo um livro religioso. Há algum tempo que não tinha essa coragem. Foi indicado por um amigo que considero. Resolvi arriscar… Até agora – li algumas páginas inciais apenas, sequer saí do primeiro capítulo – tem sido gratificante.
Tem tocado questões psicológicas íntimas, às quais não são fáceis de serem ditas, explicadas ou comentadas, ainda mais quando se passa por um momento de crise, não sei se na fé ou em relação a religião; onde sentimos um vazio causado pela falta de solidez nas respostas prontas já tidas, nas estruturas que julgávamos perfeitas, mesmo sabendo que nada é assim, tão perfeito. Causado pela dor… ou a dor que gera o vazio… não sei… acho que não… se há dor, não há vazio, está preenchido pela dor…rs. Acho que primeiro vem a dor, depois o vazio, depois outras coisas vão surgindo, coisas mais bonitas do que os blocos prontos e “sólidos” e mais gostosas do que a dor… imagino que venham flores… coloridas e cheirosas… rs.
Encerrando a viagem… O livro: Crescer: os três movimentos da vida espiritual, de Henri Nouwen.

Três movimentos nos quais resume-se a vida e crescimento cristão. Muito bem expostos na introdução, imagino que no decorrer do livro seja melhor ainda.

Pelo que estou lendo no capítulo primeiro, é muito bem explicado, bem articulado, de uma forma que dá pra entender. Uma leitura boa e prazerosa, pelo menos pra mim, que amo assuntos ligados a espiritualidade cristã, e odeio ao mesmo tempo… rs.

Toca de forma especial quando leio a bíblia e entendo – não sei se entendo, mas entendo de algum jeito…rs  – quem escreveu, seus sentimentos, angústias, tristezas ou alegrias, suas frustrações, seus desejos bons ou ruins… é bom retornar à leitura bíblica, elevada, sem buscar tantas respostas ou sem tantos porquês, apenas encontrar nela conforto e identificação… algo divino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *