Sobre e-books para concursos

Há quase um ano, escrevi sobre mais e-books para concursos públicos. Continua escasso esse tipo de livro do mercado eletrônico, até tem umas obras legais na Saraiva e um pouco menos na Cultura, a Amazon fica atrás, com quase nada de oferta, infelizmente. Livros eletrônicos ainda são um mercado a se expandir, especialmente os mais técnicos, direcionados a certas áreas e concurso é uma delas.

Tenho alguns e-books, é prático para estudar longe de casa, dos papéis e mesas, mas, hoje, vejo que não substitui o papel. O fato de riscarmos, colorirmos à mão, fazermos anotações nas margens, faz diferença e com o conteúdo extenso dos editais, por mais que não pareça, mais prático é o livro, apostila ou qualquer outro material impresso que nos possibilite “passear” rapidamente entre páginas distantes umas das outras… 
A facilidade num e-book é fazer resumos, grifando os trechos mais importantes, o que vai servir, na conclusão de um conteúdo, para revisão. Porém, durante o curso do aprendizado, no grosso, escritos impressos são fundamentais. 
E-books são importantes, mas livros e demais materiais impressos são indispensáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *