Também se aprende na Universidade

Ser universitária é bem interessante.

Vem o professor e fala sobre umas teorias super legais, coerentes, a gente se apaixona, vira fã do teórico… Aí na aula seguinte, nos é apresentado outro teórico que refuta tudo o que o nosso queridinho anterior produziu…

Tô achando isso muito saudável. Essa quebra de expectativas, essas desconstruções, por mais que pequenas ainda, nos mostram como é importante pensar, analisar, se aprofundar, criticar (atualmente, é necessário especificar que para criticar precisa-se de fundamento, ok?! E este fundamento não está presente no sentimento, no achismo ou na novata fake news, mas nos fatos analisados).

Cansa, confunde, mas sempre saem boas conclusões e dá até pra gente escolher um queridinho contestado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *